ONRUSH – Um Overwatch de carros


ONRUSH é um Overwatch de carros. Estava eu navegando pelo Twitter (como sempre) e me deparo com esta afirmação na minha timeline. Eu já tinha aproveitado os dias gratuitos, que ganhei com a XBox LIVE, e estava aguardando o game entrar no Gamepass, com aconteceu no último dia 05 de Setembro. Não tinha pensado em ONRUSH desse jeito ainda, mas não pude deixar de concordar (em parte) com esta afirmativa, quando voltei a jogar o muito divertido jogo. Vamos a análise?

Temos aqui um jogo de corrida, no estilo arcade (e ele abusa desse arcade), que possui a característica que parece dominar os jogos hoje em dia, partidas rápidas, frenéticas e que sempre dão aquela sensação de “vou jogar só mais uma”.

A jogabilidade é bem simples, você controla uma das 8 classes de veículos disponíveis em ONRUSH. Por se tratar de um jogo de corrida, temos os controles padrão, de acelerar e frear, mas no caso de ONRUSH, possuimos dois tipos de BOOST, que irei detalhar mais a frente. Cada classe possui um peso específico, que não afeta muito a velocidade, mas é sentido em algumas manobras. As classes são divididas basicamente em 4 grupos de veículos. As motocicletas, que são rápidas, ágeis e muito frágeis, os carros leves, que são rápidos e menos frágeis, temos os carros balanceados, que na minha opinião são os melhores para jogarmos, e os carros “tanques”, que são bem úteis principalmente nos modos de jogo em que o objetivo principal é tirar o oponente da corrida “destruindo” seu carro.

Todas as classes de veículo em ONRUSH possuem “habilidades”, que são ativadas pelo BOOST. Como disse acima, a jogabilidade é simples e BEM arcade, então para ganhar BOOST, você precisa simplesmente fazer manobras, quanto mais ousada mais BOOST você ganha. Conforme você queima esse BOOST, uma barra de movimento especial vai enchendo (RUSH), e quando ela enche, você pode usá-la como um “super BOOST”. Este movimento, ativa uma habilidade especial, que é o momento em que mais sentimos a diferença entre cada uma das 8 classes disponíveis. Cada movimento faz algo bem específico, algumas liberam um rastro de fogo, que detona os inimigos, outras dão um escudo para seus aliados, outras podem drenar BOOST dos inimigos, e isso é bem legal!

Conforme você vai avançando nos modos de jogo de ONRUSH, vai tendo uma noção melhor de quando usar os poderes das classes e qual se adapta melhor em cada situação. Já que estamos falando de evolução, acho que já podemos falar dos modos de jogo disponíveis. Basicamente, temos 3 modos de jogo diferentes; O modo OVERDRIVE, em que você deve dirigir fazendo o máximo de manobras possíveis, para realizar uma pontuação de 10000, temos também o modo SWITCH, em que o objetivo é ficar o máximo de tempo vivo, pois a cada vez que morremos temos que trocar de veículo, com um limite de 3 trocas por membro da equipe, uma vez que as trocas da equipe acabem, a outra equipe vence e por último, temos o modo LOCKOUT, em que você deve passar por portões para adicionar tempo a um contador geral, uma vez que este contador zera, você perde o ROUND. Os modos OVERDRIVE e LOCKOUT são divididos em 3 ou 5 ROUNDS.

O jogo conta com um modo história, que possui narração em português (legal!). A história gira em torno de como os “fundadores”, criaram o conceito de ONRUSH. Nada muito memorável, é apenas para não ficar sem nada nas transições de fases do jogo. Durante esse modo história, você vai jogando em eventos, que podem possuir uma ou mais corridas, com modos de jogo diferentes, e com isso vai ganhando pontos de habilidades, que desbloqueiam outros eventos, até chegar no modo chamado SUPERSTAR, em que você pode “zerar” o jogo.

Os gráficos do jogo são cartunizados e bem coloridos e não deixam a desejar. O jogo roda liso e sem travamentos. Não presenciei nenhum BUG, o jogo parece estar realmente bem polido (pelo menos na plataforma XBOX, que foi onde eu joguei). Para gráficos e performance, não tenho mais nada a colocar, pois como disse, ONRUSH tem gráficos decentes e não apresentou nenhum problema de estabilidade.

ONRUSH não possui uma dificuldade gradual aplicada em seu gameplay então, como possuimos poucos modos de jogo e uma quantidade de classes limitadas, você pode achar um pouco repetitivo ficar jogando direto e apenas cumprindo os objetivos e ganhando XP.

Por último, se você acompanhou bem o estilo de jogo até aqui, deve ter imaginado que ele possui algum sistema de LEVEL e claro, LOOTBOXES. Se pensou que sim, acertou em cheio. ONRUSH possui um sistema que é chamado de CRASHTAG, que basicamente consiste em realizar determinadas tarefas com os veículos (repetidas vezes em sua maioria). Este sistema faz você ganhar XP e a cada vez que você passa de nível, ganha um LOOTBOX. Cada caixa possui 3 itens cosméticos, que vão desde comum até épico (nada fora do padrão). Estes itens são todos apenas cosméticos e podem ser comprados exclusivamente com a moeda ganha no jogo, ou passando de nível, conforme dito anteriormente.

Com uma jogabilidade ajustada e bem divertida, ONRUSH com certeza vai te garantir umas boas horas de diversão. Ele possui um preço BEM salgado, então minha recomendação é ou, assinar o XBox GAMEPASS, ou comprar o jogo quando ele estiver em uma promoção de 50% ou acima. Não vejo potencial no jogo, para você pagar o preço cheio dele.

Sendo assim, na classificação Rock and Game, ONRUSH fica na categoria;

Joga agora!

Espera uma promoção, mas joga!

Coloca no fim da lista ..

Deixa pra depois ..

Deixa pra lá!

Você deve estar sentindo falta da análise do que parece ser o foco do jogo, que é o MULTIPLAYER não é? Então … esta parte ainda preciso fazer uma analise mais profunda, para poder falar com mais propriedade. Isto vai render, provavelmente, outro POST inteiro, então não vou incluir este item aqui. Quando eu conseguir ter umas horas no MULTI, suficientes para eu analisar por completo a experiência deste modo de jogo em ONRUSH, eu atualizo o POST para vocês e coloco o link desta análise específica.

No cantinho dos caçadores de conquistas, eu posso dizer que dá para fazer uns 500G bem tranquilo em ONRUSH, dá para chegar nos 700G, se você, como eu, tiver gostado do jogo e ficar buscando as pontuações mais altas, desbloqueando assim o modo SUPERSTAR. Agora, se for fazer os 1000G, a coisa complica um pouco (não muito, mas vai requerer algumas horas de jogatina e experiência).

Espero ter ajudado. A intenção é deixar o texto o mais simples e objetivo (possível). Procurei falar um pouco de todos os aspectos do jogo, para te ajudar a decidir se gasta seu rico e suado dinheiro com o jogo.

Se você possui alguma experiência com ONRUSH (principalmente no MULTI) e gostaria de compartilhar conosco, não deixe de postar nos comentários.

Pro pessoal que quiser me adicionar nas principais redes de games, minha gamertag é nascimentosousa. Te espero lá para uma jogatina.

Previous Firewatch - Jogo ou Experiência?
This is the most recent story.

No Comment

Leave a reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *